Com 52 anos conseguiu ficar com um “Six-Pack” em apenas 3 meses!

Hoje venho partilhar a transformação de um dos meus clientes de coaching.

A razão porque o faço é porque acho que vai ajudar-te a servir de inspiração, e pode ser a motivação que precisas para começar a transformar o teu corpo já em Setembro.  

O Edison tem 52 anos e tal como imensas pessoas nesta idade, pensam que já a idade já não lhes permite fazer muita coisa. O argumento comum é - “ A partir dos 30 anos fica mais difícil ficar em forma” e isso não é nada verdade. Torna-se mais difícil em qualquer idade se adotarmos uma vida mais sedentária e tivermos uma alimentação um tanto ao quanto descuidada.  

Se tivermos uma vida activa, treinarmos de forma consistente e alimentarmos de forma saudável, não existe idade nenhuma que nos impeça de ficar em forma. O Edison é um exemplo vivo disso. Com 52 anos conseguiu ficar em melhor forma que 90% dos jovens com vinte e poucos anos.

Vou então mostrar-te qual o trabalho que foi feito para colocar o Edison em grande forma.

More...

O primeiro contacto que teve comigo

Apesar de o Edison viver no Brasil e não ter muita confiança no acompanhamento online, porque já tinha tido algumas más experiências com outros profissionais, ele investigou melhor o meu trabalho e após alguma pesquisa, confiou no meu trabalho à distância.

Este foi o seu primeiro email:

OFERTA: 10 Estratégias Para Queimar Mais Gordura! 

Coloca o teu nome e email em baixo, para receber o guia, com estratégias eficientes e cientificamente comprovadas para queimar mais gordura e ficar com abdominal definido!

“Tenho 52 anos e já treino musculação há quase 30 anos. Atualmente com 1:78m e 80 kg, venho realizando atividades 5 vezes/semana, de forma curta e intensa e alimentação saudável. Estou há muito tempo querendo eliminar aquela gordura teimosa, no abdômen frontal e lateral e parte inferior da coxa e glúteo. Já me falaram que para eliminá-las somente por meio de lipoaspiração de alta definição, em razão da dificuldade do bloqueio dos receptores alfa - adrenérgicos. Diante das considerações acima, conseguiria atingir meus objetivos?”

Perante este email pedi-lhe que me enviasse uma foto sua, para avaliar melhor a situação e após ver a sua foto, esta foi a minha resposta:

“...Não precisas de cirurgia, para nada. Em 3 a 6 meses de treino e alimentação adequada, ficas com um verdadeiro "six-pack". Um mês é suficiente para começares a ver resultados.. Atenção para que isto aconteça, preciso de dedicação nos treinos e alimentação, se estiveres disposto a isso, garanto-te que com a estrutura que tens, vais ficar top...”

Porque não retirei o seu copo de vinho ao jantar

Como qualquer pessoa que não quer deixar de apreciar os pequenos prazeres da vida, ele perguntou-me “o facto de ingerir, num único horário, "vinho tinto", poderá atrapalhar no programa?”

Ao que eu respondi:

O melhor plano é aquele que consegues fazer de forma consistente, porque em última análise é a consistência que traz resultados. Dito isto, se sentes necessidade de beber esse copo de vinho uma vez por dia, porque faz com que a tua refeição tenha mais prazer, então  podes ingerir um copo de vinho uma vez por dia, depois tenho é de o contabilizar no plano de nutrição. “

É isto que eu acredito. Para ficar em forma tens de ser consistente e é impossível seres consistente se tiveres fazer grandes sacrifícios. Ninguém, a menos que sejas um atleta profissional e vivas disso, consegue fazer sacrifícios durante muito tempo.. Em última análise até podemos aguentar 1 a 2 meses a fazer sacrifícios, mas depois descambamos totalmente e voltamos para os mesmos hábitos anteriores, porque nos vimos privados de tanta coisa.

Eu falo por mim, que sou um coach e tenho de ser um exemplo para ás pessoas, pela minha consistência de treinos e alimentação saudável, nos dias de hoje já não estou disponível para fazer grandes sacrifícios para estar em forma. É possível ficar em forma sem fazer sacrifícios. Todos nós vivemos uma vida agitada e com preocupações, e devemos mimar-nos com coisas boas.

É possível ter uma alimentação saudável e sentir prazer nisso, assim como também comer algumas das coisas de que gostamos muito, sem fugir ao plano e sem ficarmos com remorsos, desde que isso seja contado no plano. É exactamente isso que faço comigo e com os meus clientes de coaching.

Não devemos negar os pequenos prazeres da vida, mas também não devemos deixar que os pequenos prazeres da vida nos estraguem a vida, por isso, como costumo dizer, o grande segredo é o equilíbrio.

Como o seu problema de cansaço foi resolvido

Como muitas pessoas, o Edison tinha problemas de sono, que depois afectavam os seus dias de trabalho e o rendimento no treino.

Os seus problemas de sono foram resolvidos da seguinte forma:

1. Diminuí-se a ingestão de líquidos à noite para não ter de interromper o sono para ir urinar.

2. Melhorámos a sua qualidade de sono com a ingestão de ZMA antes de dormir. Vê mais sobre esse tema em - “Suplementos para Dormir Melhor”.

3. Para além disso retirámos os cafés para não interferir negativamente com o sono (poderia ter ingerido café até às 17h, mas devido a um outro problema que ele tinha, tivémos de lhe retirar o café - mais à frente falo sobre isso).

4. Mudámos o horário de treinos para mais cedo, para o metabolismo acelerado resultado do treino, não influenciar a qualidade do sono.

Como se contornou o problema que ele tinha no ombro

Infelizmente o Edison tem algumas limitações no ombro, revelando em exame, uma pequena ruptura no ombro que lhe doía a treinar.

Primeiro que tudo aconselhei-o a procurar ajuda profissional para recuperar o ombro que essa não é a minha área. No entanto, apesar de ter uma limitação isso não deve ser factor para ficar parado.

O que fiz foi adaptar os seus treinos de forma a que não recrutasse a musculatura envolvida. Informando-o que o objectivo é treinar sem nunca chegar à dor. Em caso de dor, não fazer esse exercício e informar-me, para eu arranjar alternativas.

Como se resolveu o problema de refluxo que ele tinha

O Edison tinha um problema de refluxo já à imenso tempo que o andava a incomodar e já tinha cirurgia marcada para o resolver.

Sugeri manter a cirurgia marcada, mas até à data da mesma, deveria experimentar uma solução alimentar e de suplementação. Se resolvesse o problema não seria necessário sujeitar-se à cirurgia.

Para resolver este problema, usei duas abordagens.Primeiro melhorar ácidos do estômago e depois diminuir ácidos do estômago.

Melhorar ácidos no estômago

Para melhorar ácidos no estômago primeiro começámos por resolver o problema que ele tinha na ingestão de proteína.

O primeiro passo na digestão da proteína é feito no estômago a partir do ácido hidroclórico que está dependente também de zinco. A produção de ácido hidroclórico e zinco declinam com a idade, a consequência é a indigestão, a seguir a refeições altamente proteicas.

A solução passou por tomar um suplemento digestivo que com betaína hidroclórico com pelo menos 15mg de zinco, de uma forma facilmente absorvida como o zinco citrato.

Diminuir ácidos no estômago

Enquanto umas pessoas têm ácidos a menos, outras têm a mais. Estas pessoas geralmente sentem azia a seguir às grandes refeições.

O problema do Edison foi resolvido ingerindo menos alimentos ácidos como álcool, café, chá e aspirina.

Para além disso adicionou-se no seu plano cálcio e magnésio em forma de suplemento. Uma vez que estes são alcalinos e têm um efeito calmante para quem tem excesso de acidez de estômago.


Qual foi a sua programação de treino


A programação de treino que lhe fiz envolvia sobretudo grandes grupos musculares e misturava parte metabólica com muscular.

Primeiro mês

No primeiro mês começámos com uma programação em que ele treinava os músculos todos, 4 dias da semana, de forma a estimular mais o seu metabolismo, o Glut-4, melhorar sensibilidade à insulina geral entre muitas outras coisas…

Nos outros dois dias por semana, fez apenas trabalho cardiovascular moderado de apenas 20 minutos. O que lhe permitia neste dia descansar dos outros treinos mais intensos, e estimulava uma adaptação das suas mitocôndrias para o seu corpo ficar mais eficiente a queimar gordura.

Este era o seu calendário de treinos semanais:

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

 Domingo

A

B

Cardi?o

C

D

Cardio

Descanso

Segundo Mês

No mês seguinte já dividi os seus treinos por grupos musculares. Em termos de treinos musculares treinou durante 3 dias da semana, um a dois grupos musculares por dia, havendo também sempre um componente metabólica nestes treinos, uma vez que continham super-séries, um HIIT muito curto no meio e outro no final. (treino A, B, C )   

Noutro dia da semana fazia um treino Muscular em modo circuito  (uns exercícios a seguir aos outros sem descanso), envolvendo apenas grandes grupos musculares (treino D)

Nos outros dois dias da semana fazia apenas 20 a 30 minutos de treino cardiovascular contínuo. O que lhe permitia neste dia descansar dos outros treinos mais intensos, e estimulava uma adaptação das suas mitocôndrias para o seu corpo ficar mais eficiente a queimar gordura.

Este era o seu calendário de treinos semanais:

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

 Domingo

A

B

Cardio 

C

D

Cardio 

Descanso

Terceiro mês

No terceiro mês usei uma metodologia idêntica, mas focada mais na parte muscular, em todos os treinos (A,B,C,D). Usei outros exercícios e à quarta  e ao Sábado fizémos um trabalho específico de abdominal, treino intervalado de alta intensidade curto e treino cardiovascular contínuo de 20 minutos máximo.

Este era o seu calendário de treinos semanais:

Segunda

Terça

Quarta

Quinta

Sexta

Sábado

 Domingo

A

B

Abs1 + HIIT1 + Cardio 

C

D

Abs2 + HIIT2 + Cardio 

Descanso

E foi este o processo de transformação com o qual o Edison conseguiu evitar duas cirurgias (uma ao abdominal e outra ao estômago), melhorou a sua saúde, o seu sono, ganhou mais energia para o seu dia e conseguiu ficar com o abdominal “six-pack” que tanto queria.

O que iremos fazer daqui para a frente?

No final dos três meses de treino, o Edison foi de férias (e bem merecidas), com a promessa de voltar a continuar a sua transformação corporal, focada na manutenção da definição que ganhou e ganhar massa muscular.

Antes de ir de férias ele deixou-me umas palavras de apreço que nunca vou esquecer.

“Desde já queria agradecê-lo pelas orientações e paciência. Realmente você é um profissional diferenciado. Tão distante e parecia tão perto. Cada treino sentia você ali dando aquele empurrão. Os resultados não podia ter sido melhor, passei de meus 80kg para 75,5kg. A minha  reacção e das pessoas, que me acompanharam, foi surpreendente. Parabéns mais uma vez pelo profissionalismo e dedicação ao seu trabalho. Por enquanto muito obrigado meu amigo e certamente quando retornar irei atingir meus objetivos. Grande abraço”

O amor por aquilo que faço vem de eu saber que posso mesmo ajudar a mudar vidas. Depois de ler o seu último email antes de ir de férias, percebi que tinha mudado mais uma vida, desta vez a do Edison. 

O que podes fazer, depois de ler este artigo?

Todos os dias nos deparamos com mil e um obstáculos e razões para não começarmos agir na realização dos nossos objectivos, mas com a larga experiência que tenho, uma coisa te posso garantir, "as luzes nunca vão estar todas verdes", vai haver sempre alguma coisa que se vai meter no caminho entre ti e os teus objectivos, ou uma reunião que dura mais tempo do que o previsto, ou uma festa que te impede de seguires o teu plano, ou porque estás cansado, etc.. Isso são coisas que fazem parte da vida e irão estar sempre a acontecer.

Se aguardares pelo momento certo, irás esperar uma vida inteira. O conselho que te dou, senta-te num sítio isolado e organiza a tua vida, de forma a conseguires treinar e levar uma alimentação saudável todos os dias. Faz perguntas a ti mesmo, para resolver os desafios que tens, e o teu cérebro vai-se abrir em busca de respostas.

Se já tentaste sozinho sem sucesso, procura ajuda de um bom profissional, que te possa ajudar a atingir os objectivos. Consulta o meu serviço de acompanhamento de treino e nutrição, em xtrafitcoaching.com e vê se é aquilo que precisas e procuras. Se tiveres alguma dúvida contacta-me através dessa página.

Se eventualmente, por qualquer razão achares que o meu serviço não vai de encontro às tuas necessidades, então procura outro profissional que sintas que se adapte melhor às tuas necessidades, faz a tua escolha, cumpre os treinos e a alimentação, mantém o focus e nunca deixes de acreditar em ti.

Espero muito sinceramente que este artigo te tenha ajudado, a tomar uma atitude e tenha servido de inspiração para mudares a tua vida de vez..

Partilha este artigo com os teus amigos e ajuda-me a inspirar mais pessoas..

Ricardo Vidal
 

Olá, eu sou o Ricardo Vidal, criador do XtraFit e sou um apaixonado por treino e nutrição. Eu acredito que todas as pessoas podem atingir o corpo dos seus sonhos, desde que orientadas no caminho certo. É isso que faço com este blog e com o meu programa de coaching online.

>